• Tecnologia
  • Equipamento eletrico
  • Outros
  • indústria de materiais
  • Política de Privacidade
  • Sobre nós
  • Entre em contato conosco
Localização: Casa / Tecnologia / Operações cibernéticas irregulares.Revile, de novo?Malware bancário em estado selvagem.Ameaças internas durante a grande resignação.

Operações cibernéticas irregulares.Revile, de novo?Malware bancário em estado selvagem.Ameaças internas durante a grande resignação.

serv |
36

A OTAN transferiu unidades aéreas e navais para posições para responder a outras incursões russas na Ucrânia.A Reuters relata que a Aliança atualmente tem cerca de quatro mil soldados implantados em batalhões multinacionais na Letônia, Lituânia, Estônia e Polônia;Diz-se que os EUA colocaram cerca de oitenta e cinco centenas de tropas adicionais em alerta, preparadas para serem transportadas para a região.A Rússia, que organizou aproximadamente cem mil tropas perto da Ucrânia, diz que a resposta da OTAN (descrita como "histeria") mostra que a Rússia, não a Ucrânia, é alvo da agressão.O histérico ou não, o Guardian escreve que os governos ocidentais estão preparando um regime de sanções extensas e potencialmente incapacitantes que poderia ser imposto a amplos trechos da economia russa se a pressão de Moscou na Ucrânia continuar.

Coincidentemente ou não, o National Post relata que o Global Affairs Canada, um serviço do Departamento de Relações Exteriores, foi atingido por um ataque cibernético não especificado detectado em 19 de janeiro, no dia anterior, observa a Reuters, o estabelecimento de segurança de comunicações (CSE) emitiu um aviso de boletimque havia uma ameaça russa para a infraestrutura canadense.De acordo com a computação, a investigação do incidente continua.O primeiro -ministro Trudeau reiterou o apoio canadense à Ucrânia durante a crise em andamento.

Irregular cyber operations. REvil, again? Banking malware in the wild. Insider threats during the Great Resignation.

A Ars Technica relata que os cibernéticos assumem a responsabilidade por um ataque de ransomware contra ferrovias da Bielorrússia que está sendo chamada de operação "Peklo" (aproximadamente "incêndio infernal").O grupo hacktivista, que adquiriu uma reputação de sofisticação, está ativo desde pelo menos julho de 2021.

Várias fontes, incluindo CNN, Newsweek, CBS News e ABC News, relatam que o Departamento de Segurança Interna dos EUA emitiu um memorando para seus parceiros policiais, alertando -os a se prepararem para ataques cibernéticos russos em caso de resposta americana ou da OTAN à Rússia'sInvasão ameaçada da Ucrânia.O memorando não parece conter muitas informações específicas além de um reconhecimento das capacidades cibernéticas russas e um reconhecimento de que as tensões na Europa Oriental estão altas.

A cobertura contínua da crise da Cyberwire na Ucrânia pode ser encontrada aqui.